Storytelling? O que é isso?

Pra quem entende um pouco de inglês já deve saber o que é Storytelling, que em tradução livre seria contar histórias. Mas é isso mesmo, você não está errado, contar histórias nunca esteve em uma posição de tanto destaque no mundo. Mas enfim, por que todo esse burburinho agora?

Bom, pra entender porque Storytelling está sob os holofotes atualmente, precisamos entender suas origens… Histórias começaram ao mesmo momento da fala, é o meio natural do ser humano trocar informações e que, com o tempo, foi se aperfeiçoando até chegarmos nos atuais mestres de contos de histórias, que se encontram em Hollywood.

O ser humano anseia por histórias bem contadas, pois ele se vê na história, sente os dilemas e agrega mais informações. A percepção de tempo muda, pois tudo parece mais rápido e todos esperam um final feliz.

Toda história tem uma mensagem pra passar, mas para que essa mensagem seja passada corretamente, é necessário passar várias informações antes. E é nisso que uma boa história realmente faz diferença. Com um mundo muito mais dinâmico e todos enterrados em dados e números de toda natureza, fica cada vez mais difícil digerir novas informações aparentemente desconexas. Mas, do mesmo jeito que, quando criança, ligávamos os pontos para formar o desenho, ligamos as informações para formarmos boas histórias. Dessa maneira o cliente recebe o pacote completo: Uma boa história recheada de informações e uma mensagem de impacto no final.

A vida não são números aleatórios em um relatório da empresa ou as especificações de venda de um produto que se deseja vender. A vida é uma sequência de fatos que ocorrem de maneiras imprevisíveis com pessoas multifacetadas. Por isso aquela apresentação com gráficos complexos e tabelas por todos os slides já estão com seus dias contados.

Mas sabemos que a história é só uma parte do todo, a outra parte está em quem irá contá-las. O papel do contador de histórias nunca foi tão respeitado e invejado. Todos nós conhecemos alguém assim, é aquele que sempre pedem pra repetir as histórias para o novato da turma. Ele revive tudo que passou com os detalhes mais importantes, alterando o seu ritmo de prosa de acordo com a situação, personificando todos os personagens como ninguém, alterando o tom de voz a cada passagem e finalizando com a ideia principal, fazendo com que todos queiram mais histórias, e assim, a noite vai longe.

E agora, já aprendeu o que é Storytelling? Já está pensando em transformar suas apresentações em grandes histórias que vão encantar seu público-alvo? Fácil, basta chamar a HIP, que escrevemos a história que deseja contar, criamos slides para o impacto visual e ainda o fazemos ser o grande contador de histórias que sempre quis ser.